S. Miguel do Rio Torto: Actualidade e História

Site de História e Actualidade de S. Miguel do Rio Torto. Toda a informação retirada do blog para quaisquer trabalhos/publicações, o blog deverá ser citado. Por outro lado, comentários anónimos,com nomes fictícios, frases que visem atingir outrem ou palavras menos correctas serão apagados assim que me aperceber da presença no blog.

A minha foto
Nome:
Localização: Coimbra, Coimbra, Portugal

Natural de S. Miguel do Rio Torto (Abrantes). Licenciado em História pela Faculdade de Letras da Universidade de Coimbra. Estágio Profissional no Arquivo Histórico do Concelho de Abrantes. Pós-graduado em Ciências Documentais (Arquivo). Organizou e Inventariou o Arquivo da Escola Superior de Enfermagem de Coimbra. Mestre em História - Museologia pela Universidade de Coimbra. Interesses de Investigação: História da vida estudantil, História da Universidade, Patrimónios material e imaterial da vida estudantil. Museu Académico de Coimbra. Autor de vários livros como as biografias de Lucas Junot, Dr. Joaquim Isabelinha e de instituições como o Museu Académico de Coimbra. Trabalho na Galeria Académica do Museu da Ciência da Universidade de Coimbra.

domingo, setembro 30, 2007

Cerimónias da Freguesia de S. Miguel do Rio Torto. Início das Comemorações.




As comemorações tiveram início logo pela manhã com o hastear da bandeira junto do edifício da Junta de Freguesia acompanhado pela Banda Filarmónica do Rossio a tocar o Hino Nacional.
A Freguesia de S. Miguel do Rio Torto (como instituição freguesia, entenda-se), existe pelo menos desde 1613 (Registos Paroquiais - Registos Nascimento, Casamento e Óbito) que já conferem que é Freguesia (dado que era uma das competências da Paróquia - antecedente da Freguesia), facto que posteriormente é corroborado pelo livro das fintas de 1707 e pelas memórias paroquiais de 1758. Pelo que, para já, a data mais antiga COMO PARÓQUIA, não como povoado é 1613.
Seguem vários posts das comemorações que duraram o dia inteiro, tendo continuado pela noite com porco no espeto, noite de fados e Baile.
Será também através das novas tecnologias uma forma dos nossos conterrâneos no estrangeiro (destaco a Espanha, França, Suiça, Brasil, Bélgica e Holanda, entre outros países) veram como foram as comemorações.

0 Comentários:

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

Hiperligações para esta mensagem:

Criar uma hiperligação

<< Página inicial